Conversa surreal mas real

quarta-feira, junho 22, 2016

Num evento da empresa:

Colega: Olá!
Eu: Olá.
C: Sou a Sandra.
E: Prazer. És nova por cá?
C: Não... estou na empresa há alguns anos. Estou sentada do teu lado esquerdo.
E: Ah...
C: Estou do lado da janela. Mesmo ao lado do Bruno.
E: Não conheço.
C: Está mesmo ao teu lado.
E: Nunca vos vi.
C: Nunca ninguém repara em mim...
E: O problema não é teu. É meu. Não tenho muito interesse em pessoas e faço por ignorar que existem.
C: Mas porquê?
E: Não tenho interesse.
C: Mas podemos ter coisas em comum, não achas?
E: Não sei e não tenho interesse em saber.
C: Eu sei que estamos aqui para trabalhar e não para fazer amigos, mas podíamos ser potenciais amigas!
E: Acho que não.
C: Porquê?
E: Basta olhar para ti. Não temos nada em comum.
C: Não podes julgar as pessoas pelo aspecto!
E: Posso julgar as pessoas pelo que eu quiser.
C: Diz lá o que aparento ser, então!
E: És o oposto de mim: optimista, alegre, borbulhante, simpática, conversadora, sociável, desejosa de fazer amigos e de se dar bem com toda a gente. Não aguento tanta alegria.
C: Porque és tão anti-social?
E: ... (suspiro profundo de enfado)
C: És estranha. Porque não nos dás uma oportunidade?
E: Porque estou farta de perguntas parvas. Isto já foi demasiada socialização por hoje.
C: ... (cara triste) Nunca conheci ninguém assim.
E: ...

No dia seguinte:

C: Olá! Vês? Estou sentada aqui ao teu lado! (a fazer adeus)
E: Ah, olá Sónia.
C: Sandra... (cara triste)

Sou um bicho do mato, que se lixe.


Também deves gostar disto

3 comentários

  1. Eu sou borbulhante,simpática e conversadora... Isso é alguma dica para mim? :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também és sarcástica, acutilante, tens humor negro, por isso compensas... um bocadinho ;)

      Eliminar

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal