As coisas que se aprendem #40 - dar às de vila-diogo

terça-feira, julho 04, 2017

"Ali estava ele, todo reclinado para a frente, como se já estivesse sentado no autocarro para 
dar às de vila-diogo ou empoleirado num banco de bar."

in Doutor Sono, de Stephen King (2013)

Wait, what? É preciso ler um livro de Stephen King para aprender uma expressão milenar e espectacular? Ok, a origem é emprestada de nuestros hermanos, mas ainda assim.

Dar às de vila-diogo é uma expressão que vem da comunidade judaica Villadiego, onde foram concedidos por Fernando III, Rei de Castela, o direito de santuário aos judeus em caso de perseguição. Estes, obviamente, fugiam apressadamente para lá. Então, dar às de vila-diogo significa isso mesmo: fugir apressadamente, deixar tudo para trás e ala que se faz tarde. Sem ofensa para a origem da expressão, parece eu quando saio do trabalho à sexta-feira.





Também deves gostar disto

2 comentários

  1. Já conhecia esta e a "alimária", no entanto não sabia de onde vinha esta expressão...mas o que mais me está a intrigar, tendo em conta que isso é uma tradução, é qual será a expressão usada no original inglês? Give to the diogo-village ones? :p

    ResponderEliminar
  2. Não faço ideia, mas palmas para a tradutora :)

    ResponderEliminar

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal