Once

sexta-feira, junho 24, 2011



"Once upon a time I could control myself
Once upon a time I could lose myself

You think I got my eyes closed
But I'm lookin' at you the whole fuckin' time...

Once upon a time I could love myself.
Once upon a time I could love you."

Once - Pearl Jam
in "Ten" (1991)

Ver vídeo

Em tempos, controlova-me, ou deixava-me levar, dependia. Mas pensava nisso. Hoje, as coisas encarrilam-se sem pensar nelas, simplesmente acontece. E gosto assim. Se tiver de ser é, caso contrário, amigos na mesma. Já vão longe os tempos em que planeava apanhar uma grande piela com semanas de antecedência e contava os dias para o fatídico momento em que decidia desleixar-me. E depois, bem, era como se o mundo acabasse, ou a bebida, no dia seguinte. É incrível como a idade e a maturidade nos ensinam a gerir expectativas e nos dão perspectivas bastante diferentes do mesmo. Hoje, continuo a divertir-me, e quando me divirto mais é quando não estou à espera.
É como as pessoas. Quando menos se espera é que aparece quem realmente importa. E os que antigamente lá estavam, e hoje se mantêm, também merecem ser louvados. Era uma vez uma menina que cresceu, e aprendeu a ver tudo com olhos de ver.

Também deves gostar disto

0 comentários

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal