Cenas que quero #2 - ir a Pompeia ver o David Gilmour

quinta-feira, março 17, 2016


Há 45 anos atrás (!!), os Pink Floyd fizeram História ao tocar no anfiteatro romano de Pompeia com o propósito de fazer um documentário / concerto. Filmaram durante 4 dias, e as músicas foram tocadas sem qualquer público, no meio do nada, num cenário histórico onde antes gladiadores lutavam, naquele que é o anfiteatro romano mais antigo do mundo.

Ainda eu nem era um espermatozóide quando foi gravada em Pompeia a Echoes, essa música icónica com mais de 25 minutos cujos acordes ainda me arrepiam desde a nuca ao rego do cu de todas as vezes que ouço. Aquela mística, aquela calma, o espaço vazio, a música a espalhar-se para o nada, o simbolismo, nunca tiveram igual em momento algum.

E agora David Gilmour concordou em voltar. O vocalista principal da banda vai dar dois concertos em Pompeia em julho e não consigo exprimir a vontade que tenho de vender tudo o que tenho e agarrar a oportunidade única de ver um dos meus maiores ídolos num dos mais maravilhosos cenários de sempre.

É daquelas coisas que dá um aperto no peito, por saber que esta merda vai esgotar antes de eu conseguir juntar dinheiro para um pequeno almoço em Roma.

Também deves gostar disto

2 comentários

  1. Nessa altura tinha eu sete anos. Mais um bocadinho e começava a ouvi-los. Quanto ao concerto, duvido que ele consiga aproximar-se sequer da mística dessa sessão, receio que haja muito jogo de luz e som para dvd aproveitar. Mas, se vivesse perto, ali ao pé de Nápoles, talvez não resistisse

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, nunca nada se vai aproximar daquilo que foi há 45 anos, mas mesmo assim é assinalável e a oportunidade de uma vida :) Faria o mesmo!

      Eliminar

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal