Liberdade é dar grandes chapas na água

domingo, maio 08, 2016


Nos países asiáticos existe uma prática nojenta, uma indústria suja que move demasiado dinheiro. É a extracção de bílis dos ursos. Estes são mantidos em jaulas do tamanho de cabines telefónicas e sofrem horrores e em condições deploráveis para que lhes seja extraída a bílis, usada naqueles países para a medicina tradicional.

Depois de anos a sofrer desta tortura, o urso Tuffy foi resgatado por um santuário vietnamita, a Animal Asia. Estava magro, desidratado e numa tristeza e agonia absolutas. Assim que tomou consciência da sua salvação e se viu com um lago à disposição, o urso tem uma das maiores manifestações de alegria que já vi e que podem testemunhar no vídeo abaixo. É impossível imaginar o que é ser-se preso e maltratado para benefício de outros, mas a palavra para isso é escravatura. Escravizar é errado seja com humanos ou animais. É não ter escrúpulos, não olhar a meios, não ter um pingo de respeito por nada e achar, erradamente, que se está no topo da cadeia de comando do mundo.

Desde a sua existência, a Animal Asia já resgatou mais de 600 ursos desta indústria macabra, mas só na China ainda existem 10.000 ursos a sofrer da extracção da bílis por métodos dolorosos e indignos. Apesar da alegria que sinto ao ver o chapinhar da liberdade do Tuffy, há um longo caminho a percorrer e muito a sensibilizar, há que passar a palavra, ajudar, denunciar, porque não têm o direito de fazer isto. Não têm.

Mas depois vemos esta imagem e aquece-nos o coração saber que há pessoas com corações do tamanho do mundo, que se importam, e que permitiram que isto acontecesse:



Também deves gostar disto

1 comentários

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal