Quem tudo quer, tudo perde

sexta-feira, abril 20, 2012

Irrita-me profundamente quando certas pessoas não dão valor àquilo que têm. Têm mais sorte, saúde e são mais ricas do que três quartos da população deste mundo. E é só blá blá blás e queixumes de tudo e de mais alguma coisa. Nunca estão satisfeitas com nada. Pensam sempre dois degraus acima, sem ver se aquele por baixo do pé está seguro. E pelos vistos de nada servem as nossas palavras, a nossa presença, o nosso apoio incondicional. Essas pessoas sentem-se sempre sozinhas. E fazem-nos sentir sozinhos também. Como se fossemos invisíveis ou não importássemos. Não contamos para as contas do universo. Estamos só de passagem. Somos o degrau debaixo do pé. Quando menos se espera já estamos a ser pisados novamente.


Também deves gostar disto

0 comentários

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal