Francisco Rivera, usted es un hijo de puta

quinta-feira, janeiro 28, 2016

O título está em espanhol para perceberes bem, mas agora vou insultar-te em bom português. És um filho da puta. Um cabrão. Um gajo que não pensa sequer um bocadinho antes de fazer merda.

Porquê? Para começar, porque achas normal segurar uma criança de meses ao colo enquanto toureias um animal com centenas de quilos, que a podia esmigalhar em caso de queda ou espetar-lhe um dos seus corninhos. Sabes, os acidentes só acontecem quando as pessoas se predispõem para tal.

Porque justificas o acto como uma tradição, que é uma das desculpas mais usadas para bestas como fazerem a merda que quiserem, apoiando-se em prácticas mórbidas que já deviam ter caído em desuso. Ainda bem que no teu país não é tradição cortar o clítoris das meninas, que de certeza é uma tradição como qualquer outra e que terias todo o gosto em seguir, certo?

Porque inicias um ser humano que nasceu inocente na barbaridade que são as touradas. Pelo menos deixavas a rapariga escolher, quando crescesse. Amar fazer mal aos touros e a outros animais não é normal, não vês isso? Tenho pena que ela cresça contigo como exemplo de "homem"...

Porque dizes que é uma honra e um acto puro segurar um bebé enquanto toureias. Puro? Já viste a ferida que o touro tem? O seu dorso rasgado e sangrento, a dor que sente, a humilhação, é pura para ti? É uma honra infligir sofrimento com a tua filha a ver? Meu amigo, ofereço-me desde já para ter a honra de te espetar a bandarilha no buraco do cu e a tua mulher pode assistir, achas que é puro o suficiente?

Trata-te, seu atrasado mental.



Também deves gostar disto

0 comentários

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal