No title

sábado, abril 11, 2009


“A continuidade, bater cadente.
A perfeição de uma nota encavalitada.
O passo em falso que excita e destrói a obra inacabada.
O perder arrastado de uma noção prolongada que nunca lá esteve, suavemente.

Bate, forte, de repente, continua,
senão morro, senão páro, pára tudo,
o tempo, o silêncio, repercussão sem eco,
segundos sem momento, tornado imobilizado no céu,
sem vento.”


Íris

(enquanto tocava como plano de fundo a Lateralus - Tool)

Também deves gostar disto

1 comentários

  1. Uma vez mais,

    "A perfeição de uma nota encavalitada.
    O passo em falso que excita e destrói a obra inacabada."

    Brilhante.

    Essas palavras remetem-me para outra coisa. Depois conto-te qual é.

    ResponderEliminar

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal