O amor (às modas) é cego

quinta-feira, agosto 06, 2015

Um grupo de humoristas holandês instalou o sistema operativo Android num iPhone. Saíram à rua e foram perguntar às pessoas o que achavam, dizendo-lhes que se tratava do mais recente update ao sistema operativo da Apple. Em resumo, os abordados disseram o seguinte:

- é mais intuitivo, fácil de usar, prático e rápido
- os logotipos das apps e o design geral estão melhor do que antes
- é bom poder controlar a música mesmo quando se está a usar outras funcionalidades
- poder controlar o telefone com gestos é muito positivo

Não ficaram surpreendidos, claro, porque afirmaram que tudo o que Apple faz é melhor, e mal podem esperar por fazer download desta versão.

Mas que burros da cona. É incrível ver como a ostentação guia a vida de tanta gente. As pessoas fazem compras por moda, porque os outros têm, porque o que é caro tem de ser bom, ou só porque sim, e quase nunca por analisarem aquilo de que realmente precisam, ou pelo menos comparar as suas escolhas com outras opções disponíveis.

Conheço alguns destes fanboys da Apple, sempre a dar rios de dinheiro para terem tudo o que os senhores largam para fora daquelas peidas. Mesmo que seja um bocado de cagalhão com uma maçã mordida lá metida, querem cheirá-lo e pagar por isso. Não há nenhum argumento que me possam dar que faça com que eu gaste seis vezes mais dinheiro numa merda qualquer só porque tem uma maçã.

O meu telemóvel, que foi 100€ (e já acho caro), faz tudo o que a maçã faz, e mais ainda. Quando o tento dizer aos fanboys, não acreditam, não olham, não escutam, não querem saber. O amor às modas é mesmo cego, surdo, mudo, e cheio de guita.

Artigo aqui.




Também deves gostar disto

0 comentários

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal