Pessoas estranhas #83 - Wes Goodman, o homofóbico de cu rachado

quinta-feira, novembro 23, 2017

Wes Goodman era um legislador do Ohio, de direita, defensor dos valores tradicionais. Argumentava, por exemplo, que o casamento só deve acontecer entre um homem e uma mulher; declarava-se um cristão conservador; era contra o aborto, obviamente; emitia frequentemente opiniões anti-LBBT. Um gajo às direitas, republicano, impecável no seu fatinho bem passado a ferro e com o seu cabelo lambido, com aquelas fotos de família capazes de constar nos melhores calendários de Natal.

Mas claro, como podem adivinhar, no melhor pano cai a nódoa, e foi apanhado no seu escritório a levar no rabinho. É assim queridos, quem tanto desdenha normalmente quer comprar. Quem tem opiniões tão extremas acerca da sexualidade dos outros, é porque não deve estar muito seguro da sua. Vai-se a ver, e o senhor gostava de contactar jovens rapazes do partido, pelo Facebook, chegando a mostrar a sua verga pelo Snapchat.

Renunciou ao cargo por conduta inadequada, fechou o seu site (onde se podiam ler as suas ideias conservadoras que foram pelo cano abaixo) e agora deve estar a chicotear-se por não ser um exemplo de masculinidade heterossexual.

As pessoas deviam estar mais vezes caladas, porque o karma é fodido.

Mais no Independent.

Também deves gostar disto

0 comentários

Seguir por email

Visitantes

Blogs Portugal